Páginas

terça-feira, 28 de junho de 2011

SINDROME DO PÂNICO : O PODER DA VENLAFAXINA

 Quem nunca teve um dia triste na vida,  ansiedade, medo, desespero,  e isso se transformar em uma angustia incontrolável...
Multiplica alguns desses sintomas por 1000.
Ta aí, bem vindo à Síndrome do Pânico !


Confesso que sempre tive vergonha de expor isso para as pessoas, para não ser julgada como louca, exagerada, digna de pena etc.. nomes que já cansei de ouvir.
Hoje abro essa página para contar como aceitei a conviver com à "Sindrome do Pânico", que apelidei como À COISA.


Em 1996, nos meus 20 anos, tudo ia bem, não tinha o que reclamar da vida,
Até que decidi fazer uma viajem,  eu e uma amiga fomos para Minas Gerais, foi o melhor Carnaval da minha vida, trio elétrico, festas, dias sem dormir, bebidas e Lança Perfume... uma combinação perfeita para detonar um cérebro que já estava a beira de virar uma bomba relógio.
A alegria me acompanhou até o ônibus de volta, preparada para 10 horas de viajem até chegar em minha casa.
Eu e minha amiga viemos dormindo, estavamos cansadérrimas, até que no meio da viajem a bomba explodiu, acordei com A Coisa.


A Coisa me possuiu dos pés a cabeça, meu corpo tremia por inteiro, meu coração parecia bateria de escola de samba, a sensação era que se eu colocasse a mão na boca eu arrancaria ele da garganta,  faltava ar,  a angustia e a ansiedade já multiplicadas tomavam conta do meu cérebro.
Acordei minha amiga aos prantos, estávamos sentadas nos primeiros bancos, onde o motorista me ouviu e tentando me acalmar disse que logo chegariámos na primeira parada... fiquei mais desesperada ainda, porque se ele disse a primeira, então ainda faltava horas para a segunda e mais horas para o final.
Desci na primeira parada, sentei no chão e chorei muito, tentando entender o que era aquilo que eu sentia, as pessoas comovidas tentavam me acalmar, mas nada e nenhuma palavra tirava aquela Coisa de mim, na hora não tive vergonha do meu pânico, também o que era vergonha ao meio de tantos adjetivos terríveis que eu estava sentindo... voltei ao ônibus, e chorando seguimos a viajem.
A estrada não tinha fim, e cada minuto passado, para mim se transformavam em horas, e a Coisa não me deixou em nenhum momento.

Ao entrar na minha casa, parecia que a Coisa tinha ficado no portão, descobri que minha casa era meu refúgio, foi a pior coisa que descobri, porque eu não queria mais sair de casa, e o medo da Coisa me pegar na rua, e eu demorar para chegar no meu refúgio, e ter que sentir a Coisa tudo de novo... a solução foi passar meses e meses dentro de casa.

Até que um dia a Coisa me atacou dentro do meu refúgio... o que fazer ? pra onde correr ?

Junto com a Coisa, aos poucos veio o TOC ( Transtorno Obsessivo Compulsivo) a Agorofobia, a Depressão e a Claustrofobia... não entendia como cabia tanta coisa dentro de um cérebro.. e demorou para eu descobrir o que realmente eu tinha, enquanto isso, fui tentando conviver com esse quinteto.


Tentei lutar contra a Coisa, mas não tinha lugar, não tinha hora, ela aparecia e me possuía a qualquer momento, até comandar minha vida e fazer com que eu virasse escrava dela.

Perdi emprego, namorado, amigos e a vida social, parei de viver e me entreguei ao quinteto.


Cheguei a conclusão que meu novo e único refúgio seria a morte, pensava que na minha passagem a Coisa ficaria aqui na terra, e eu ficaria livre dela na vida eterna.

Mas como eu faria para libertar meu espírito do corpo, sem sofrimento e dor ?


Minha mãe já havia me levado na igreja, em Centro Espírita, mas nada e ninguém conseguia me libertar daquilo, até que cheguei no limite, e pedi para minha mãe não me deixar sozinha, ou eu iria dar um fim naquilo, mesmo acreditando que pessoas que tiram a própria vida o destino é o *Umbral.... eu já acreditava que o Umbral seria muito melhor do que sentir a Coisa.

Na minha família nunca ninguém passou por coisas assim, era novo para nós, e até que a idéia de um psiquiatra veio de pessoas de fora.
Depois de meses eu iria sair na rua novamente e encarar o medo do medo.
Comecei meu tratamento com tarjas pretas e terapia de grupo.

E aos poucos  fui me libertando e começando a viver novamente, voltei a andar sozinha na rua e deixar de ser dependente da minha mãe.
Por conta própria fui diminuindo aquele arsenal de remédios, até um dia parar com tudo,  e achei que estava livre da Coisa, achei que o médico queria me intoxicar, e eu mesma me diagnostiquei.

Os anos se passaram, sempre o quinteto aparecia, mas num grau baixo, iam, voltavam, nunca fiquei livre dele, e assim fui estragando o cérebro, tupo para não tomar mais remédios.

A Claustrofobia foi a última que me largou, ou melhor.. achei que estava livre... mas me enganei... ela sempre aparecia quando eu menos esperava, não queria ser mais dependente de remédios, então não fiz tratamento, e foi assim, aos poucos que a Sindrome do Pânico veio novamente em minha vida.
Na estrada, no ônibus, no metrô, no dentista, até no meu sonho ela aparecia... e minha casa novamente meu refúgio.
Conheci uma Psicóloga que me ensinou a encarar de frente a Síndrome do Pânico, a encarar como uma doença, e que doenças são tratadas com remédios, e podem ter cura sim, e se caso não tenha, temos que aprender a conviver com a medicação.
Meu Neurologista me receitou a Venlafaxina, onde tomo todos os dias, e hoje sinto apenas medo da Coisa.


Aprendi a não ter vergonha disso, aprendi a falar não para as pessoas,  e a não me importar com que elas pensem, se acham engraçado, ou falam para eu parar de tomar meus remédios, se acham que é frescura ou loucura, pouco me importa, nem ligo para a opinião alheia.
Aprendi a não chorar por amizades e amores perdidos...
Aprendi a ser feliz do meu jeito, mesmo convivendo com a minha única companheira, à  Claustrofobia, e essa eu consigo driblar.
Aprendi a aceitar minha dependência da Venlafaxina, passo muito mal quando esqueço de toma-la, fico com fortes dores de cabeça,  tonturas e enjoo, no terceiro dia sem,  cheguei até a vomitar ....a tal chamada "Abstinência".


Não tenho vergonha de falar que eu não pego estrada, não entro em elevador, metrô, ônibus cheio e não encaro ainda um trânsito, tenho pavor da escuridão e que ainda tenho medo do "medo",  medo ainda de encarar muitas coisas. Tudo tem sua hora, e vou aos poucos conquistando a vida novamente.
Acordar de manhã e ver que a Coisa não faz parte da minha vida, é maravilhoso, acordo de bom humor e não tem dia feio, tá chovendo e frio, então o dia tá lindo..rs

Só sei dizer que estou muito feliz, e minha vida mudou depois da administração da Venlafaxina.
Nunca mais fui possída pela Coisa, tenho uma vida normal, mesmo me privando de algumas coisas, que não estão me fazendo falta alguma.
 Faço as coisas que gosto, e estou de bem comigo mesmo.

Pessoas não tomam remédios para hipertensão, diabetes, etc... eu tomo o meu para a Coisa, e assim a vida continua.
E hoje não preciso mentir quando tomo meu comprimido e alguém pergunta :
pra que é ?.... hoje eu falo de boca cheia : "É Venlafaxina para a Síndrome do Pânico" ! 
E Foda-se !


Agradeço à Deus, e principalmente aos meus pais e irmãs, que nunca me abandonaram nos momentos em que eu mais precisei.


Abs
Keké Flores

148 comentários:

  1. Keké, poucas vezes li algo tão verdadeiro e sincero.
    Conheço exatamente cada palavra que você descreveu aqui. Passei por isso e cheguei a ser internada numa clínica psiquiátrica. É muito mais fácil as pessoas te chamarem de louca, exagerada, fresca, mas entender, são poucos.
    Quando me sentia infeliz ao ter que tomar remédio tarja preta, meu psiquiatra dizia:" ainda bem que existem os remédios". Assim como você, aprendi muito com minha doença, inclusive a selecionar melhor as pessoas que convivem comigo.
    Agora estou bem, sem remédios. Voltei ao trabalho depois de 1 ano e 8 meses afastada.
    Você é uma guerreira e uma vitoriosa!
    E é preciso muita coragem para falar tudo o que você falou!
    Te admiro ainda mais!
    Fique na Paz!
    Bjs,
    Lis

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, eu comecei a tomar a venfaxina ha quase uma semana, estava tomando Luvox, achei o medicamento excelente, fiquei mto mais atencioso, concentrado e pq a principal sensação que curou foi uma angustia q sentia mto intensa derepente vinha e ia embora do nada...pq me dopava com rivotril pra dormir por conta propria...mas voltando la atrás eu precisei parar com o Luvox por me tirar o libido...tomei ele por quase 2 meses, agora, com a venlafaxina 37.5 mg sinto dores de cabeça acho por estar com ela a pouco tempo, mas sinceramente depois que li seu blog, espero ter a mesma melhora q vc teve.

      Excluir
    2. Tomo essa medicação a quase um ano e percebi que nesse período engordei bastante. Tem alguma relação com a medicação?

      Excluir
    3. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    4. A venlafaxina no começo faz perder peso, porém com o uso prolongado o efeito está mais para ganho de peso. Mas nada comparado com outros antidepressivos. Esse efeito de ganho ou perda varia muito de paciente para paciente. É como a fluoxetina que muitos acreditam que emagrece, mas tenho visto muitos relatos contrários. Existem 2 antidepressivos que os pacientes são unânimes em relatar a perda de peso, que são a sertralina e a bupropiona.

      Excluir
  2. Acompanho sempre suas postagens, e sempre me surpreendo com cada uma.
    Acabei de ver essa que vc postou agora no facebook, e vi que tinha haver comigo.
    Essa eu me identifiquei, e tbm nunca li nada que explicasse o que eu tbm senti, e vc com suas palavras me fez reviver o que ja passei tbm...e que muitas pessoas ainda passam e nao aceitam como uma doença..

    Igual disse a Lis do comentário acima :
    É preciso muita coragem pra falar...e eu tbm te admiro muito.

    Bjs Claudia

    ResponderExcluir
  3. O que eu sempre quis explicar, vc descreveu aqui no seu blog.
    Acho que a sensação é a mesma em todos nós.
    Hoje ja estou totalmente curado, e livre da Venlafaxina.
    Gostei muito do seu blog, continue sempre postando.
    Abração
    Mauricio

    ResponderExcluir
  4. Querida,
    Tive pânico por muitos e muitos anos... não desejo a ninguém o que passei, foi realmente muito difícil lidar com todo o sofrimento que vc bem sabe qual é.
    Mas... lembre-se de que nada chega na nossa vida ao acaso, sem um sentido muito preciso.
    Eu tomei remédios, fiz terapia, mas só me curei (estou há 7 anos sem nenhum sintoma) depois que compreendi o que o pânico quis me ensinar a meu próprio respeito.
    Comverse com ele... por mais louco que isso possa parecer. Tente compreender o que o pânico está tentando mostrar a vc sobre vc mesma. Dialogue mesmo, pergunte.
    E fique atenta, mesmo que pareça não haver nenhuma resposta imediatamente.
    Tenha certeza que o pânico não está aí como um inimigo, por incrível que pareça.
    Talvez no fundo do coração vc até saiba disso, não?
    Um forte abraço, e saiba que vc pode se curar totalmente sim. Comece a aventura de entender a mensagem do pânicos, mesmo que isso que estou dizendo pareça sem sentido agora ;)

    ResponderExcluir
  5. keke! Que coragem garota! Deus te abençoe por suas lutas e vitorias... Tomo venlafaxina há 2 meses e ainda sinto formigamentos nas mãos e nos pés. Minha médica diz que ainda é efeito da ansiedade. Vc demorou quanto tempo para parar de sentir reações adversas? Gostaria de saber tb de outras pessoas a respeito destes sintomas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi amigo,tomo velanfaxina de 75mg e lexotam 3mg ha um ano.Tive tu isso que KeKé falou,custei a encontrar um médico que indicasse o remédio correto,tremia as mãos,as pernas pareciam que não dava conta de ficarem de pé.Tive fobia,ansiedade,angustia,coração disparava,pés e mãos geladas,boca seca e muita pontadas na cabeça terríveis,tinha medo de sair sozinho,ir em lugares com muita gente que tudo começava de uma só vez.
      Mas graças ao bom DEUS e ao médico que faço tratamento já estou curado,mas ainda tomo velanfaxina. Como você disse e sua médica também é normal tremer as mãos e as pernas as minhas tremiam até dormindo era horrível e eu pensava que tava normal. Até eu descobrir o que tinha demorou uns tres meses. Foi quando comecei com velanfaxina de 37,5mg e depois de 75mg. Mas com mais ou menos um mes eu já estava bem pois o médico garantiu que em um mês estaria e realmente fiquei,o que também melhorou muito a ansiedade foi o lexotan de 3mg ele disse que era para relaxar,comecei com um a noite,meio de manhã apos o café junto com a velanfaxina,e meio ao meio dia. Hoje so tomo meio a noite e meio de manha junto com a velanfaxina. Já viajo,já saio sozinho,não tenho mais medo,nem ansiedade,voltei pro trabalho mas o medico disse que é pra tomar até fevereiro que o meu estado quando cheguei estava muito angustiado e que vai tirar aos poucos o lexotam e voltar a velanfaxina de 37,5mg. Mas seja la qual for o sua crença tenha muita fé,que vai ficar bom logo,eu passava mal de ficar sozinho olha que estado cheguei e o médico disse que isso não tem explicação vai acumulando,quando agente se da conta já esta assim. Por isso não desanime só agente
      que passa é quem sabe e DEUS também não adianta explicar prá ninguém acham que estamos inventando que é tudo mentira que isso é frescuragem é coisa de rico,mas não qualquer um esta sujeito a ter isso. Mas daqui onde estou rezarei por voce pra ficar bom logo e voltar a fazer tudo normal igual antes como eu consegui. Fique com DEUS,espero ter de dado uma força.

      Excluir
    2. Oi gostei muito de sua explicação, estou há uns 20 dias e continuo com depressão e com muito medo, estou tomando venlafexina de 2cps de 37,5 mg na parte da manhã,daqui 2 dias passo a tomar 75 mg de 12 em 12 horas.Estou ansiosa para eu melhorar, pois é horrível ficar assim. Um abraço e fique com Deus.

      Excluir
  6. Alguem pode me responder? Postei em 15/10...

    ResponderExcluir
  7. Ola vc depre rs..o nome ja diz tudo rs

    Então, tive as reações adversar durante umas duas semanas, entre elas tontura, enjoo, boca seca e amarga, e dor de estomago.
    Hoje só tenho se eu parar de tomar,mas no seu caso é melhor explicar a situação pro médico, acho que seu organismo não se adaptou ao remedio.. 2 meses eu acho muita coisa pra estar sentindo reações ainda..
    Demorei pra responder pq eu nao tinha visto seu comentario.
    Espero que tenha melhorado.
    Bjss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tomo venlafaxina a um ano e tenho muita constipação , mas mesmo assim prefiro sentir essa reação do que a COISA, ruim com venlafaxina, muito pior sem ela.

      Excluir
  8. Meu psiquiatra acabou de me receitar Venlafaxina. Tomei o primeiro hoje, estou um pouco enjoada, não sei se é por conta dele. Passei mais de um mês completamente perdida, sem saber o que eu tinha... indo a diversos medicos, pensando que iria morrer ou enlouquecer. Espero que este medicamento me ajude também.

    Boa sorte para nós!

    ResponderExcluir
  9. De fato é muito difícil conviver com o transtorno do pânico. Também tomo a Venlafaxina desde novembro e tenho sentido melhoras embora ainda tenha recaídas quando passo por momentos de estresse. O estranho é que depois de um quadro de forte ansiedade vem uma espécie de depressão que parece refrigerar o corpo e depois passa. Acho também que o pânico é um algum tipo de mensagem e que temos de aprender a dialogar com ele. E ter fé que a sensação ruim passa e que numa hora conseguiremos lidar melhor com ela.

    ResponderExcluir
  10. TOMO VELAFAXINA A DOIS ANOS
    PARA CURA DA DISTIMIA
    ESSE MEDICAMENTO E OTIMO
    POREM NO COMEÇO ERA MUITO CARO
    AGORA CAIU PELA MRTADE DO PREÇO
    GRAÇAS A DEUS ESSE REMEDIO ME AJUDOU 90%
    CREIO EU QUE NAO VOU MAIS PARAR DE TOMAR
    ABRAÇO

    ResponderExcluir
  11. Sou paciente de Venlafaxina com Oxcarbazepina, faz apenas 5 meses. Suspeita? Borderline...Eu fique muito comovido com seu depoimento, vc usa palavras e descreve atitudes que aprendi a ter que usar e tomar. A vida muda mesmo, vc se torna outra pessoa, que requer outros amigos alinhados a isto. Como também existe a suspeita do fator genético, cada vez mais entendo porque minha mãe agia como agia.
    Voltando um pouco ao assunto medicação, confesso que tenho sofrido para me adaptar à ela. Mas entendi, junto com meu médico, de que não existem opções melhores neste momento.
    É isso mesmo, coragem e luz para lidar com a estupidez e brutalidade de um mundo que se orgulha de ser ignorante. Um beijo e parabéns !!

    ResponderExcluir
  12. Bem meu nome e thiago tenho 24 anos,formado em direito,moro em uberlandia minas gerais,ja morei em alguns paises para modelar,frança,turquia,alemanha...Pois bem vou falar sobre a venlafaxina e sobre a minha historia!

    Aos meus 17 anos de idade ,mais ou menos em 2005,sempre por ter tudo dos meus pais...comecei a me envolver com drogas, drogas de playboy vamos assim dizer,lsd extase, foi uma epoca boa,nao posso negar.amizades,sexo,baladas..tudo em geral ...POIS BEM

    No final de 2006 dezembro dia 9..fui para ribeirao preto,em um lugar que se chama gamboa action..maravilhoso o lugar..cinematografico ..levei comigo meu lsd..e sempre com o pensamento de querer tirar o maximo daqueles momentos..bemm ao contorno da festa..meu coraçao começou a bater mais forte do que o normal..por ai ja fiquei muito asustado.. foi entrando na minha cabeça que eu de fato estava passando mal ''morrendo'' ou sei la.. enfimm..fui parar no hospital com a pressao 19;8 . coraçao acima de 200 ..so lembro de lembrar da minha familia na hora .e ter sempre o pensamento em deus!! FIm..do COMEÇO

    Venlafaxina... FUi ao medico aqui da minha cidade'' uberlandia'' falei sobre meu ocorrido .. ele me fez varias perguntas...e uma foi o diagnostico Pergunta : qual e o seu historico familiar ?!

    Resposta : Minha avo sindrome do panico...Meu pai :sindrome do panico na sua adolencia..
    Pois bem o lsd foi a porta q abriu ao meu cerebro para eu começar ter ''A coisa'' como a keke diz..

    Começei de imediato o tratamento com a venlafaxina 75mg isso com 17 18 anos ,nao me lembro bem.. Eu me lembro q se passaram mais ou menos uns 20 dias ,minha cabeça teve alguns '' choques'' estralos vamos assim dizer.. parece q eu fui voltando ao lugar..fui voltando a este mundo.. a sindrome do panico estava me levando a um mundo diferente..longe de tudo.. fiz e estou fazendo tratamento da venlafaxina a uns 6 anos....ESSE REMEDIO E MARAVILHOSOOOOOOOOOOOOOOO ..ele te melhora 1000% ,logico q de vez enquando tenho enjoo ,nauseas,vomito..mas isso e normall...vai pegar um filme pra vc ver..vai fazer coisa que vc ama...

    Pois bemm ja tem mais ou menos 1 mes que parei com a venlafaxina ''por conta propria'' masssssssss thiago por que vc parou com o medicamento se te fazia tao bem!!?!


    Meu caro amigo estou na melhor fase da minha vida,24 anos,bonito com toda humildade,claro.. o venlafaxina me fez ser o homemm q sou hj!! ELE DE FATO e um dos melhores remedios da vida humada!!

    pq vc parou de tomar?! perda de libido!! POXAAAA TENHO 24 anos..isso nao pode acontece..senti falta do remedio neste primeiro mes..mais eu ja sabia que estava 99,99% bem.. VC MEU CARO AMIGO(A) Vai saber a hora exata de parar... sindrome do panico!?!? HAHUhuahuuh hoje estou rindo de vc.. Pode vir,agora vamos ver quem domina quem!?

    Venlafaxina ,melhor medicamento!! faz milagre..

    ATT thiago castro barbosa :cidade uberlandia tenho facebook..

    thiago castro... foto do perfil camiseta gola V preta..ajudo a falar sobre o tratamento!
    obrigado e sempre lembre de uma coisa ...ja ajoelhei na chuva pedindo pra deus tirar minha vida... ele me respondeu : NAOO VC ESTA PASSANDO ISSO..pra vc ser uma pessoa melhor...

    OBRIGADO JESUS..AGRADEÇO O QUE EU PASSEI..hoje eu nao seria o homem que sou!

    ResponderExcluir
  13. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  14. Keké, eu achei lindo o seu depoimento.

    Me conta uma coisa, sobre a questão de apetite, vc sentiu alteração?

    Eu estou tomando venlaflaxina a 6 meses, e enlouquecendo por conta de ter tido o apetite alterado. E começo a sentir minhas roupas apertadas.

    Obrigada

    Sylvia

    ResponderExcluir
  15. força Keke, vc e uma guerreira e ademais você é muito linda!!! Sou de Uberlândia Minas Gerais e te achei por acaso pesquisando na net sobre ansiedade... a luta continua e repetindo vc é linda!!!ô lá em casa...kkk...abração..Elias (elix.family@hotmail.com)

    ResponderExcluir
  16. Muitos meses sem postar pessoal, li cada comentário e fico feliz que só tem coisas boas e superações com a medicação.. Vou tentar responder a todos tá..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi , acabei de ler seu blog, estava sem entender o que estava acontecendo comigo " de novo" era a COISA, fui no psiquiatra ele mandou eu parar a paroxetina , e ficar com uns aí que não dei muita bola... até uqe começei a sentir dores no corpo , estava no estado final.. sem namorada sem amigos em vida socila sem ningue e minha unica pessima comapania era a a coisa (como está sendo bom falra com vc..... ( desculpe o desbafo vc é a primeira a me ouvir e ler coisas que acho que ninguem vai entender, ) VOU TE CONTAR, estava tão revoltadompela coisa me possuir 24 horas que decidí : NÃO VOU MORRER, NEM QUERO VOU VIVER COM OU SEM ISSO MAS VOU MORRER VELHO E NÃO VOU DAR OUSADIAA COISA... RSSSS...
      pensei ja que maomé não vai até a montanha a montanha vai a maome, fiquei muito revoltado a ainda com medos fortes... já que não tinha opção pensei VOU FALSIFICAR... E FIZ... FIZ MESMO ...parecia que meu pai o médico e o mundo estavam conntra mim... eu pensei COMO EU VOU ME SAIR DESSA;... COMO VOU DESABAFAR... VÃO ACHAR QUE ISSA COIAS É FESCURA E EU ACHAVA ISSO COISA DE GAY... OLHA QUE BOBO EU FUI!!!
      realmete a ficha cae de um jeito
      para cada um.. lendo oque vc postou eu me sinto melhor e amenizou quem sabe cure esta tal coisa..minha revolta com a coisa passou... isso não é coisa de gay e isso é uma doença; hoje tomo venlafaxina e se amanha acordar sem a coisa mesmo o dia chovedo será feliz sem a coisa. hoje SOU UM CARA MAIS FORTE EM TUDO BEM PARECIDO COM O QUE VC ESCREVEU MAS COMO VC NTENHO MEDO DA COISA E ELA DE VEZ EM QUANDO APARECE.. NÃO ENCARO VIAJAR SOZINHO, TENHO MEDO DO ESCURO,E DE COIAS QUE ESQUECI ,MAS COMO VC DIZ TUDO NO SEU TEMPO... OBRIGADO POR VC EXISTIR E POSTAR FRASES TÃO SINCERAS... VC ME FEZ UM BEM ENORME .. QUERO SER SEU AMIGO MAS SEU FACE TA CHEIÃO, ME ADICIONA! VAMOS RIR DESTA COISA CHAMA SINDROME DE PANICO JUNTOS...

      A FASE DE HOJE É NÃO SE PRECIPITE COM CURAS.. RELAXE AS COIAS TEM SEU TEMPO..

      OBRIGADO MAIS UMA VEZ.
      FORTE ABRAÇO
      QUERIA QUE VC ME ADICIONASSE NO FACE: JOÃO PAULO MAGALHÃES

      Excluir
  17. Oi Márjorie Thihamer, vc ainda continua tomando ? em abril vc tinha começado, nos conte como vc esta .. bjss

    ResponderExcluir
  18. Oi Thiago castro Barbosa.. adorei seu depoimento, descreve tudo que ja passei tbm... o final foi óootimo.. espero que ainda esteja bem. Vc passou seu face, mas entrar sem o email é impossivel de encontrar.
    mande noticias..
    Bjs

    ResponderExcluir
  19. Oi Sylvia Almeida, comentei na época com meu ex medico, pq eu engordei 8 kg, e não conseguia perder, o apetite aumentou tbm, mas fiz de tudo pra controlar a boca, mesmo assim engordei.
    Vi outros relatos em outros sites, e muitas pessoas tbm reclamavam que engordaram, principalmente mulheres..
    Agora parei a medicação, e vou ver se vou emagrecer, mas isso é para o prox post rs.
    Espero que esteja bem Silvia, mande noticias..
    Bjss

    ResponderExcluir
  20. Oi Elias, muito obrigada pelo elogio, rs..
    Vc estava pesquisando sobre ansiedade e achou meu blog, é o seu caso ?
    Espero que tbm esteja bem.
    bjs

    ResponderExcluir
  21. Você descreveu a minha vida! Ainda sinto muita vergonha de ter essa "coisa".

    ResponderExcluir
  22. Tomo esse medicamento a 2 meses e realmente e muito bom so que fui a farmacia e tava esgotado fiquei 2 dias sem tomar e deu-me tonturas gostaria de falar com voce no msn para me esclarecer umas duvidas o meu email é joseferreira02071989@hotmail.com quando puder adiciona-me. fique bem aguardo a sua resposta

    ResponderExcluir
  23. se puder me add no msn...
    antoniele2@hotmail.com

    estou com mmedo de tomar o venlift 37,5 ...dos efeitos e tal...
    se puder meadd para tirar duvidas..
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Venlift 37,5 é muito fraco, os efeitos são transitórios,tomo venlift de 150 mg dia e a unica coisa de ruim que aconteceu foi que meu intestino ficou lento,mas uma boa alimentação ajuda.

      Excluir
  24. Você é cavaleira de Jedi mesmo...parabéns pelo depoimento e pela coragem.

    Tomo venlafaxina também, mas para controle da ansiedade, TOC e combate a depressão (essa já estou curada)...remédio faz uma reformulação na vida da gente mesmo.

    O que importa é estar rodeado de pessoas que nos amam, como nossos pais, um bom psiquiatra e a fé em Deus.

    Um grande beijo e tudo de bom.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. so eu sei tbem o que ja passei, e ainda sofro muito com ansiedade cronica, panico e depressao.....
      bjs

      Excluir
    2. Comigo não está mais resolvendo, sofrendo muito, tomo a um ano e de repente entrei de novo depressão medo tudo só Jesus, me ajudem

      Excluir
  25. Eu tenho A COISA, hÁ muitos anos.........É HORRÍVEL .......FICO BEM UM PERIODO E DEPOIS APARECE COM MENOS INTENSIDADE .....Tomava paroxetina a mais de 15 anos e meu médico trocou agora pôr venlafaxina 37,5mg estou tomando a um mês e ainda senti a coisa no sábado de carnaval no RESTAURANTE ,SAI CORRENDO DE LÁ.......ALGUEM SABE QUANTO TEMPO PARA FAZER O EFEITO PARA EU NÀO SENTIR MAIS NADA????????????????????? TOMO JUNTO FRONTAL XR 0,5 MG..........

    ResponderExcluir
  26. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  27. Minha psiquiatra disse para não tomar venlafaxina genérica, pode influenciar no resultado, por isso foi específica quanto à marca Efexor XR.

    O remédio é excelente. Tomo faz um mês. Tenho vivido dias de muita disposição e bem-estar, porém às vezes parece que ainda existem alguns resquícios de ansiedade e pensamentos ruins. Tomo a dose mínima 75 mg.

    Estou uns 85% melhor. Talvez se ajustar a dose chegue em 99%. Há dias que estou perfeitamente normal e com muita vontade de viver.

    Também estou associando ao tratamento a terapia holística, para desconstruir definitivamente a causa do problema.

    A sobre a “coisa”, também passei por todo esse tormento diabólico, pensamentos ruminativos, ansiedade, insônia, baixo astral, vontade de não existir mais, etc. Mas como dizem, o maior sofrimento é nunca ter sofrido.

    ResponderExcluir
  28. gente eu li a bula do venlafaxina e fiquei preocupada com as reações, tomava sertralina de 100mg. mais começei a ficar mal de novo hj. começei com a venlafaxina, gostaria de saber quanto leva pra começar a fazer efeito, tive crises constatemente é horrivel se alguem puder me responder agradeço de coração....
    fico no aguardo de uma resposta..
    obrigada.....meu nome é Dulce....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. dulce acho que e uns 20 dias, tb comecei a tomar

      Excluir
  29. ola dulce eu tenho sindrome do panico e depressao , eu sinto uma coisa na garganta parece ke esta me sufocando, pensamentos ruins tremedeira calor ke sobe pelo corpo todo,, estava tomando sertralina de 50 mg estava até bem melhor dai minha pisiquiatra mudou para venlaxim comecei a tomar ja faz sete dias mas estou sentindo todos os sintomas dinovo estou cm medo estou kerendo voltar para o sertralina dinovo ... vc sente alguma coisa assim cm eu?emeu médico me disse hoje ke o remedio começa a fazer efeito depois de trinta dias ... agora nao sei pk estou no setimo dia .. estou cm muito medo pk ja engordei 4 kilos e estava vendo os depoimentos aki e vi ke as pessoas engordam bastante né cm esse medicamento? sera?

    ResponderExcluir
  30. Respostas
    1. Oi Isabel, então eu tbm sinto tudo isso tenho um medo terrivel de morrer, essa semana tbm não estou bem, estou em duvida quanto ao remedio venlafaxina, o meu cardiolista, passou pra eu tomar junto com o neozine, mas só de olhar a bula fiquei apavorada, não sei o que fazer, se paro com a sertralina ou se começo com a venlafaxina, o duvida cruel
      vou pesquisar mais um pouco. vc. teve alguma reação nesses 7 dias que vc. vem tomando???
      bjus amiga e boa sorte pra vc.

      Excluir
  31. Olá,

    Tenho Pânico há 20 anos. Nos primeiros anos os sintomas eram bem fortes e foram diminuindo com o tempo. Meu primeiro contato com medicação foi cinco anos atrás. Antes disso, como meu médico diz, me adaptei a minha" deficiência". Tinha um enorme pavor de tomar medicamentos mas me rendi, cansei de lutar sozinha, foi aí que a venlafaxina entrou. Passei a viver novamente, a ser livre.
    Nos primeiros dias de tratamento, cerca de 2 semanas, pode haver uma potencialização dos sintomas, pois seu cérebro esta se adaptando, não desistam pois eles passam! Tenham certeza disso!
    No meu caso, com 2 meses de tratamento já conseguia fazer todas as coisas que fazia antes do aparecimento do pânico.
    O remédio me devolveu a normalidade.
    Tive dois principais efeitos colaterais, ganho de peso e falta de libido. O peso resolvi com alimentação mais saudável. A libido nunca mais foi a mesma.
    A vida é feita de escolhas, perdemos aqui, ganhamos lá.
    O sofrimento do pânico é mutilador, incapacitante, assim, melhor lidar com os efeitos colaterais do que viver refém.
    Torço que os cientistas desenvolvam medicamentos eficientes sem estes efeitos colaterais, mas enquanto isso, se luta com as armas que se tem.
    Se puderem façam terapia associada a medicação, o bem estar chega mais rápido.
    Enfrentem o medo; enfrentem o medo de ter medo. De pânico você não vai morrer!
    Grande abraço e parabéns pelo Blog!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adorei seu depoimento. Eu tb estou na pior fase da SP. o medico me passou a venlafaxina. Morro de medo de tomar remedios, mas pelos depoimentos aqui, ele faz efeito.
      Não saio sozinha, não faço nada sozinha...
      preciso voltar a vida normal que eu tinha a 12 anos atras...
      fico com medo tb de ficar dependente desta medicação

      Excluir
  32. Será que alguém me consegue ajudar, estou a ficar desesperado.
    A minha mãe sempre foi uma pessoa muito ansiosa.
    A dada altura começou a dormir mal, foi ao médico e começou a tomar a Venlafaxina 37,5 mg de manhã e a Mirtzapina 15 mg à noite e também o alprazolam 0,25 mg. Até aqui tudo bem. A dada altura começou a dizer algumas coisas sem sentido, que tinha medicamentos aqui e ali. Agora tem ido ao psiquiatra e retiraram a Venlafaxina e passou a Sentralina de manhã e à noite substituiu gradualmente pela Donepezilo 5 mg à noite. A realidade é que vejo a piorar de dia para dia. Começo a ficar desesperado, alguém me ajuda?

    ResponderExcluir
  33. Linda Keké, cada vez me surpreendo mais com vc, e acabo achando que é realmente um anjo disfarçado na Terra....por isso o Pânico...como pode uma pessoa com medo de tudo, ter um coração tão grande? como pode uma pessoa com tantos problemas, lidar com tantas "desgraças" no dia a dia? como pode lidar com perdas? com maledicências? com futricos? Minha anja enrustida, minha "´ídola", minha amiga....(posso te chamar assim?) Não tenho sindrome, não tenho nada, e mesmo assim reclamo da vida....pode isso? Te admiro a cada dia, a cada ato.....parabéns linda, não se envergonhe de nada, vc é 1000.

    ResponderExcluir
  34. Viu menina como ajudou muita gente, aparece mais no seu blog para falar com eles. bjux

    ResponderExcluir
  35. muito bom ! tive os mesmos sintomas e problemas que vc! ja tomei uma porrada de antidepressivo, mas a velanfaxatina realmente foi a melhor!

    ResponderExcluir
  36. Boa tarde..
    Meu nome é Gabriela e estou vivendo pela situação que vc tbm já vivenciou, ando precisando de muita ajuda e tenho problemas em aceita-las por achar que as pessoas têm piedade ou pena de mim.
    Gostaria imensamente de conversar um pouco com você,caso não fosse te atrapalhar.
    Meu email: gabriela-asantos@live.com

    ResponderExcluir
  37. Oi Keke Flores, realmente é muito dificil lidar com essas situações, tenho alguns dos sintomas no qual voce discreveu e ate hj nao consegui achar um medicamento que acabe com todos os problemas que tenho, tenho medo de me relacionar não ha um namoro meu que vá pra frente, os que duram mais são os que começam com menos intensidade, quando começo a gostar o que quero e me afastar o mais rapidamente daquela pessoa, tenho vontades de sumir, o que me fortalece e nao me deixa fazer certas coisas é minha filha de 4 anos, que tive dentro de um relacionamento no qual quando via minha namorada a vontade era sair correndo sem rumo. Depois que li todo seu POST vou conversar com meu meu medico para tentar fazer algumas experiencias, tomo CLOMIPRAMINA no começo me ajudou pq nao queria me relacionar com ninguem, agota encontrei uma pessoa que mexeu comigo e esse medo, esse gelo que vem dos pés a cabeça tomou conta de novo, consulta ja esta marcada e vou ver qual a possibilidade de experimentar esse medicamento. Muito Obrigado por compartilhar suas experiencias conosco, isso nos fazer rever conceitos e acreditar que nao estamos sozinhos no mundo. Felicidades.

    ResponderExcluir
  38. Tomei por 2 anos a venlafaxina 75mg, e melhorei bastante. Tirei estes dias por conta própria, e comecei com sintomas de fobia social. Voltei a tomar rapidamente associada à bupropiona 150mg, que ameniza a atuação dos medicamentos na libido. Para mim, é uma ótima combinação, mas a minha maior luta é contra os pensamentos negativos e autocrítica. Beijos, Mari

    ResponderExcluir
  39. Sei exatamente, o que está dizendo, estou me tratando com venlafaxina e estou me sentindo melhor...

    ResponderExcluir
  40. OLA KEKE, ESTOU TOMANDO VENLAFAXINA 1 MES E QUANDO DECIDI PARAR POR APENAS TRES DIAS POR QUE MEU INTESTINO TRAVOU, COMEÇOU A DAR REAÇOES SUPER ESTRANHAS, ENJOO, MÃOS GELADAS, TONTURA ETC., EU LI COMENTARIOS QUE ESTE REMÉDIO ENGORDA, ISTO É O QUE MAIS ME PREOCUPA, MAS TAMB´´EM PERCEBI QUE NÃO POSSO PARAR DE TOMAR ELE!! E AGORA?! NÃO QUERO SER DEPENDENTE DESTE E NENHUM REMÉDIO, FAÇO ACOMPANHAMENTO COM PSIQUIATRA E FALEI TUDO PRA ELA, MAS ELA INSSISTIU QUE EU CONTINUE TOMAMDO POR PELO MENOS 6 MESES OU MAIS...TÁ COMPLICADO!

    ResponderExcluir
  41. Olá Keke, tudo o que você descreveu eu passo por isto a quase 20 anos e nunca fui levada a sério nem por médicos e nem familiares. Recentemente tenho piorado e resolvi fazer mais uma tentativa, e fui em um posto perto da minha casa que tem psiquiatra 24hs, e parece que desta vez alguém me deu atenção e me diagnosticou com transtorno da ansiedade. Ele me receitou 02 medicamentos meio comprimido a noite de clonazepan e 01 comprimido ao dia de venlaxin. Eu comecei a tomar o clonazepan,e ainda não comecei a tomar o venlaxin, pois estava com medo, mas após ler o seu depoimento vou seguir direitinho o meu tratamento, pois não aguento mais ter medo de sair de casa e ter medo de passar mal. Seu depoimento me ajudou muito. Fique com Deus.

    ResponderExcluir
  42. Sofro com isso ha 8 anos, eu tomei a sertralina mais um ansiolitico o frontal durante anos, me sentia bem, porém as vezes tinha recaidas, mais dava pra viver numa boa. De 4 semanas pra ca tive crises forte de panico , procurei meu medico e mudamos a medicaçao, para Bupropiona e continuo com o frontal, hj faz 11 dias q estou tomando, so q ontem e hj tive algumas crises, eu nao sei se minha ansiedade esta mais aflorada pq minha menstruaçao esta pra vir, so sei q estou ficando tensa de novo.

    Acontece com alguem aqui, de ter crises de ansiedade durante a TPM.

    Eu tbm queria saber se alguem ja fez uso da bupropiona.

    Obrigada pela atençao :(

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. eu fiz uso do butpropiona e para alteração de humor ele não é tão bom, ele é bom para perde de libido. Tem outros melhoras para sintrome do panico tipo venlift... beijos

      Excluir
  43. Eu novamente, olha só quem passou e ainda passa por essas crises de panico sabe o que é,
    Sao sintomas que nao acabam nunca, as vezes vem do nada, a respiraçao começa a ficar mais forte, vc começ a ficar inquieta, ocoraçao fica acelerado, a falta de ar começa .apatecer,o desespero commeça a tomar conta, vc anda de um lado para o outro tentando achat ar, as maos ficam geladas ou suadas, a cabeça fica pesada, o medo de morrer vai aumentando, aos ficam formigando, vem a sensaçao de desmaio, estomago vazio, .
    Enfim um tormento que muita gente ignorante nao entende, mais Deus é maior q tudo isso, e vamos vencer ,mesmo q tenhamos tomar remedio pra vida toda.

    ResponderExcluir
  44. oi keke, quero te pedir uns conselhos o medico mandou eu tomar 75mg de venlafaxina em uma semana e aumentar a dose na segunda semana mais 75mg a tarde ja fazem sete dias que stou tomando de manhã, passo agora com as duas vezes sabado amanhã, quanto tempo ele leva para dar o efeito de melhora voce pode me explicar, porque estou preocupada não saio de casa so me da uns conselhos por favor. sem mais janete
    obs. coloquei anonimo porque não conseguia perguntar

    ResponderExcluir
  45. Oi,estou em tratamento com psiquiatra e começei a tomar venlafaxina faz quase 20 dias. Ontem tive uma crise,desde então tenho muito medo e não tenho vontade de sair da cama,me ajudem pessoal por favor preciso muito.
    ALÍNE

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado tbm Aline! E você teve melhoras?

      Excluir
    2. To mais ou menos,tenho muito medo d ter crises d pânico. Hoje to com sintomas e to tentando me controla. Mas é dificil. Eu fico desesperada.

      Excluir
    3. Também não estou me sentindo bem. Comecei a tomar o remédio a 5 dias, e to sentindo alguns efeitos colaterais, tipo enjoo, insônia, falta de apetite etc. Mas a médica já me alertou sobre isso, e disse que eu tenho que aguentar até passarem os efeitos colaterais. Mas está sendo muito difícil porque além dos sintomas, ter que aguentar os efeitos colaterais do remédio fica bem mais difícil. Mas vamos continuar né, e com fé em Deus vamos melhorar. Bjs e até mais!

      Excluir
    4. Eu também sinto alguns efeitos colaterais,mas temos que ser forte. Tomando tudo direitinho e confiando e Deus vamos ficas bem.
      ALINE

      Excluir
    5. É um momento complicado o início do tratamento, pois parece que piora mais, por isso temos que ter fé e perseverança. Mas Se Deus quiser vamos ficar bem sim. bjs

      Excluir
    6. Verdade parece q piora,dia 12 vai faze um mês q to tomando venlafaxina e quase n percebi mudança. Mas estou tentando me ajudar também pois se agente n fizer isso ninguém podera fazer por nós. Amanha tenho consulta com meu psíquiatra. Dou notícias. Abraço

      Excluir
    7. estou passando uma barra, hoje mesmo estou sentindo muita ansiedade e desãnimo. Fico muito impaciente pois é difícil conviver com este sofrimento. Mas to me esforçando pra aguentar mas tá difícil. tenho consulta só dia 23/08, até lá tomara que eu tenha melhoras. fique com Deus. até mis.

      Excluir
    8. Sei bem como é ter ansiedade,mas para isso o psiquiatra me receitou rivotril. Olha pra te falar a verdade conto muito com a ajuda de Deus. Melhoras

      Excluir
    9. pois é, acho que a médica deveria ter me receitado rivotril tbm pra amenizar um pouco, pois a venlafaxina normalmente aumenta a ansiedade no começo. Peço todos os dias a Deus que me ajude, pois tá muito difícil enfrentar essa situação. Minha vida tá completamente parada, e isso me deixa mais angustiado ainda. Mas o momento agora é de ter paciência e Fé em Deus para continuar a luta. melhoras pra você tbm. até mais.

      Excluir
    10. Pq vc n vai consulta no posto d saude e pede o rivotril. Hj tive uma consulta com meu psiquiatra, ele aumentou a dose d venlafaxina d 75 pra 150 to tendo pequenas melhoras e sei q vo melhora mais e vc também.

      Excluir
    11. marquei um clínco para dia 18/08 pra ver se ele me passa o rivotril. Até que enjoo eu não to sentindo, mais a ansiedade tá demais. acho que a minha dosagem de 37,5 de venlafaxina tá baixa. Vamos ver se eu consigo né.Melhoas pra vc tbm.

      Excluir
    12. Olá Aline como você está? Teve melhoras depois da consulta com o psiquiatra?

      Excluir
    13. Oi,tem dias q to bem,e as vezes fico mal. O que me dexa assim é o medo,a fobia q ta me encomodando muito. E vc?

      Excluir
    14. Olá. Tbm estou igual a você. Tem dias que me sinto bem e as vezes tbm me sinto mal. O que tá me incomodando muito ainda é a ansiedade que quando vem piora tudo. Mas tenho que ter paciência e continuar até porque estou no começo do tratamento. Tenho consulta com psiquiatra agora dia 23/08, vamos ver se ele vai mudar alguma coisa né. Melhoras pra vc querida, até mais.

      Excluir
    15. Me procura no face. É aline E. Cleiton é melhor pra conversar. De onde vc é?

      Excluir
    16. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    17. Achei um monte de aline e. Claiton, mas não deu pra saber quem era você! O meu é Eder Lopes, sou de Serra, ES. E vc é de onde?

      Excluir
    18. Olá Aline.como vc está? vc deletou se face?

      Excluir
    19. Eder boa noite. Sou portuguesa de Lisboa e identifico-me com a maioria das situações aqui descritas. Quanto ao rivotril o meu médico retirou-mo imediatamente e tomo para a ansiedade o victan (não sei se há no Brasil que é um medicamento espetacular pois quando estou numa ansiedade estrema mastigo-o, coloco-o debaixo da língua para o efeito ser mais rápido. Á noite por vezes também tomo um quando me sinto mais angústia da e sinto mais dificuldade em adormecer. Pode-se tomar até 3 por dia. Boa sorte e as melhoras. Um beijo do outro lado do Atlântico e as melhoras para todos. Deus vos abençoe.

      Excluir
  46. Olá Keke, vou começar amanhã a tomar venlafaxina 37,5 e amitryl 10 mg a noite, receitado pela minha médica. Também passo por vários problemas assim como vocês. Estava com receio de começar a tomar pois não tive resultados com outros antidepressivos. Tenho fé em Deus que vou melhorar. Posteriormente postarei o meu progresso. Desejo melhoras pra todos.

    ResponderExcluir
  47. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  48. Olá Aline! Assim como vc tbm não tenho muita vontade de sair de casa, mas tenha paciência até que o remédio começe a fazer efeito ( demora mais ou menos de 2 a 4 semanas). Eu também estou torcedo por isso. Tenha fé em Deus, porque sei que vamos sair dessa. Abraços.

    ResponderExcluir
  49. Tenho sindrome do pânico,alguém pode me dizer oq eu faço na hora de uma crise d pânico? Éh horrível

    ResponderExcluir
  50. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  51. Oieee eu tenho sp a 10 anos. E sempre tomei venlafaxina agora to gravida tava bem mais ai voltou tudo de novo. Ai a medica passou 10 comprimidos 37,5 de venlafaxina. Mais 10 de 50mg de venlafaxina. E 75mg. Ela passou assim pra potencializar os efeitos colaterais. E rivotril de 0,5 tbm nao deixa dar os efeitos.

    ResponderExcluir
  52. Oi Keké, primeiramente quero parabenizar-lhe pelas suas postagens. Elas são tão... reais!
    Bem, tenho 19 anos e recentemente procurei ajuda pois há muito tempo percebi que eu não era "normal' psicologicamente falando, mas as pessoas sempre fingiram que eu queria inventar doenças pra chamar atenção. Eu tenho sofrido muito com o turbilhão de coisas que se passa na minha cabeça durante todo o dia e procurei um CAPS assim que completei 18 anos e pude ''andar com as minhas próprias pernas". O psiquiatra, por sua vez, me receitou Venlaxin e eu fiquei ansiosa por tomá-lo rsrs aliás, ansiedade é o que me define, mas já tem um mês que ele me passou esse remédio, eu ainda ñ o tomei e a minha psicóloga está cobrando q eu inicie o tratamento. O problema é que mudo de opinião tão depressa q, do nada comecei a sentir um medo doentio de tomar esse remédio e constatar que realmente ñ sou "normal" e tbm tenho medo de ficar dependente do remédio como se isso fosse pior do que ser refém de tudo o que sinto. Além do mais, minha mãe hesita em comprar o remédio, diz que eu sou "muito nova e sem problemas pra precisar usar remédios". Acho que ela tem medo de ter uma filha doente...
    Desculpe meu desabafo, mas vi em vc um alguém que pode me compreender pelo menos um pouquinho, eu tô tão desesperada!
    Bem, obrigada por compartilhar suas experiências conosco.
    Grande abraço!

    ResponderExcluir
  53. Olá Keké!!
    Fiquei mto feliz de ter encontrado seu BLOG.
    Sofro som a Síndrome do Pânico há quase 3 anos.
    Ano passado, em abril de 2012 parei de tomar os remédios por conta própria, achei que conseguiria. Tomava CITALOPRAN 20mg e ALPRAZOLAN 1mg, receitados pelo meu ginecologista/obstetra. E realmente fiquei algum tempinho sem sentir sintomas.
    Até que em outubro comecei a sentir vários tipos de sintomas juntos, como os teus.
    Ou seja, tive uma recaída, mto feia, pois parei no hospital, tinha muitas dores no corpo, e minhas costas estava "travadas". Tiveram q me dar morfina pra dor, pois nada passava.
    Até que em novembro de 2012 fui ao Psiquiatra, comecei o tratamento novamente, mas passei por 3 remédios até acertar o que funcionou realmente. VENLAFAXINA 150mg - 2 comprimidos por dia, e FRONTAL XR 0,5mg - 1 dia e 1 noite. Passei pelo período de adaptação, tive reações como vc mencionou, mas hj após 1 ano, não consigo me libertar da medicação ainda. Aconteceu 2 vezes de eu ficar sem tomar, pois havia esquecido de pegar a receita, e após 2 dias fiquei mto mal, como se tivesse voltado tudo, fiquei quase doida, onde vi que realmente não posso largar de uma hora pra outra. É preciso fazer um "desmame" aos poucos. Mas já tentei diminuir, porém quando diminuo fico ruim de novo. Realmente preciso continuar tomando dessa forma... Não me sinto segura para diminuir. Hoje me sinto muito bem tomando a medicação, mas sonho com o dia de conseguir diminuir e quem sabe parar de vez. Eu também não tenho mas vergonha de falar que tomo, só quero saber de ficar "bem" para tocar minha vida e cuidar da minha filhinha de 3 anos e meu marido. Mas pela tua experiência, tu achas q 1 ano é mto tempo tomando essa medicação??
    Obrigada por dividir tua experiência. De tudo que eu li, foi a mais real com tudo que passei.
    Grande Abraço, beijo e fiquem com Deus!

    ResponderExcluir
  54. Oi menina, li os depoimentos e não vi ninguém tomando 300mg de venlaxin associado a rivotril gotas. Hj tô numa pior, aliás to mal mesmo, tive de reduzir a dose pela metade e tô sentindo muitos sintomas de depressão e ansiedade. Trabalho na área da Educação, só pauleira, frustração td dia, ultimamente estava bem, com uma disposição até boa, mas agora, de ontem pra cá, tenho pedido aDeus que me ajude, daí até poder ir ao psiquiátra, em outra cidade, vou consultar meu ginecologista, um grande pai pramim, sempre me ajudou. Bem, minha ultima consulta com o psiquiátra foi há pouco mais de 2 meses, ele me indicou 60 dias de afastamento do trabalho, eu fiquei boquiaberta, não apresentei o atestando ,mesmo indo trabalhar dopada, porque pra mim é um castigo imenso ficar em casa, com um marido a quem não amo mais , com o qual convivo por conveniência. Agora, sinto-me muito mal, uma ansiedade horrível, nem uma vontade de trabalhar nem de ver ninguém..., quando estou assim nem banho tomo. Maldita depressão, com ela a solidão e o coração apertado... Peço a Deus que possa estar sempre comigo... mas a vontade de não mais pertencer a este mundo é muito grande!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Cissa. Lí o seu relato e fico triste por você tbm estar passando por estes problemas. Tbm tomo venlafaxina há 3 meses contra depressão e ansiedade, tomo 75 mg pela manha e agora tomo 0,5 mg de rivotril a noite. Ainda sinto sintomas físicos de ambos, mas não quero aumentar as dosagens, na verdade estou querendo parar de tomar estes remédios. Por isso peço muito a Deus que me ajude a me libertar deste mal. Com certeza sei que não está sendo fácil pra vc, assim como tbm não está fácil pra mim. Mas por enquanto temos que conviver com isso. Estou fazendo campanha na Igreja, e confio que um dia todo esse mal vai ter um fim. Aconselho vc a fazer tbm, e pode deixar que a partir de hoje estarei orando por vc tbm. Fica na paz e que Deus te abençoe.

      Excluir
  55. Não culpo seu médico de dar em cima de você quem não ia querer dar em cima de uma delícia dessas rssrrsssrssr.. brincadeiras aparte, fico feliz que você conseguiu se livrar do medicamento :D

    ResponderExcluir
  56. A pior coisa que existe é quando vc tá numa situação parecida com essa mas não tem a família ao seu lado, vivo com meu marido que vive me chamando de louca e anormal, a família dele vive colocando na cabeça dele que ele tem que se separar

    ResponderExcluir
  57. A Coisa é o medo certo?
    Assista =>https://www.youtube.com/watch?v=2wxBG1kZIZw
    É filosofia e de alguma forma vai te ajudar, assim como me ajudou!

    ResponderExcluir
  58. Galera, oi
    Sou casada, tenho dois filhos, trabalho e estudo. Tenho 41 anos. Sofri muito com a depressão desde os 19 anos com a perda da minha mãe. Lá tudo começou com os mesmos sintomas apresentados por vocês. Tive depressão pós parto, tomei paroxetina, fluoxetina. Quando nasceu meu segundo filho, estava deixando o paroxetina, tive problemas com a criança que nasceu sem respiração normal, assustei muito e fiquei péssima quando dobrei a dosagem do remédio. A sensação dos 15 dias me angustiou com maus pensamentos, tristeza, choro, medo, tudo, tudo... Foi aí que voltei ao psiquiatra e ele indicou-me Venlafaxina 75. Tomei por um ano mais ou menos e ainda não me sentia completa. O médico receitou o dobro da dosagem e agora depois de 4 anos sinto-me ótima, quero reduzi-lo até parar de tomar. Quando estava mal, pensava que eu deveria ser daquele jeito para sempre, só agora sei que consegui sentir como me sentia antes da depressão. Digo que sou mais forte que muitas pessoas que não tiveram essa batalha para vencer. OBRIGADA MEU DEUS.

    ResponderExcluir
  59. Ola pessoal. ...tenho ansiedade generalizada. ....síndrome do pânico. ....estou tomando venafaxina e alprazolam....mais fico mais ansiosa...sem contar que estou tendo taquicardia sinusal. ...isso e normal. ...ninguem acredita em mim. ....isso me deixa apavorada

    ResponderExcluir
  60. Ola Keke, achei incrível tudo o que vc relatou , pois passo por algo muito parecido, mas meu caso foi um pouco diferente. Após uma cirurgia de emergência, ter perdido meu filho e ter encarado a morte de frente. Nunca mais consegui ser a mesma e me diagnosticaram com stress pós traumático depois de tantos traumas acho que seria impossivel não passar por isso, mas os sintomas sao muito parecidos com os seus. tenho muitos medos como se ao sair na rua eu fosse desmaiar, tenho tonturas, enjoos e uma serie de sintomas e por isso tenho muita dificuldade de sair de casa, e tambem deixo meus tratamentos pelo caminho com medo de me viciar, de me intoxicar de ficar dependente, mas seu depoimento me mostrou um outro lado da historia. Primeiro, que eu não sou a unica a passar por isso e que não estou passando por falta de força de vontade (pois na maioria das vezes as pessoas pensam que essas ¨COISAS¨ são falta de força de vontade , frescura, etc etc....mas agora estou vendo o seu depoimento e de todas essas pessoas e percebo que não sou anormal, pelo contrario, percebo que temos que realmente encarar como uma doença e não dar atenção ao que os outros dizem pois só quem passa por uma depressão, síndrome do pânico, stress pós traumático, etc..... é que sabe o que realmente é, por isso é que devemos ajudar uns aos outros pois só quem passa é que pode dar conselhos, dar exemplos, e muitas vezes ouvir de quem ja passou por isso que em algum momento todo esse desespero vai passar ou amenizar ja é um alivio.....

    ResponderExcluir
  61. E A VIDA FINANCEIRA ,SENTIMENTAL , ESPIRITUAL ,FILOSÓFICA...??

    Uma COISA eu digo : coloca 3 milhões de reais na mão de cada um, fica todo mundo Curado.

    ResponderExcluir
  62. FICA SIM ..SEI TUDO DE REMDIO ME ADCIONEM .SKYPE : FABIORUSKI

    ResponderExcluir
  63. Ola, tive sindrome do panico á alguns anos, fiquei muito tempo sem nem saber o que era tudo aquilo que sentia, pois bem, depois de muito sofrimento resolvi ir ao psiquiatra e fui diagnosticada, fiz o tratamento com a venlafaxina por mais de 2 anos, durante todo esse tempo não senti absolutamente nada, foi uma benção na minha vida, finalmente conseguir " voltar a viver". Passados esses dois anos de tratamento recebi alta, e agora depois de 5 meses sem medicamento voltei a sentir os terriveis sintomas, o pior pra mim são os pensamentos intrusivos, não sai da minha cabeça que posso vir a fazer mal pra alguém, a angustia é terrivel, vontade de chorar, voltei a tomar a venlafaxina 37,5mg a um mês mais ou menos, passei pra o de 75mg á dez dias, mas até agora nada de melhora. Estou com tanto medo, vontade de durmir e durmir até tudo isso passar. Peço á Deus que me ajude e dê força, espero que o efeito seja o mesmo do primeiro tratamento, e que não demore muito!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tambem tenho esses pensamentos!

      Excluir
  64. Estou com um diagnóstico de síndrome do pânico há três anos. Passei por todos esses sintomas descritos acima. Mudei a medicação vai fazer 1 ano para o venlafaxina e a melhora tem sido considerável. Realmente acredito que todas as coisas cooperam para o nosso bem. Através do problema. Tenho aprendido a lidar qd vem os sintomas. Acredito que esses momentos de medo fizeram com que eu me a chegasse mais a Deus e minha fé tem sido fortalecida. Aprendi com a bíblia que devemos lançar fora toda ansiedade...que Deus não nos deu um espírito de medo e sim de ousadia. A oração nos fortalece...continuo com a medicação. ..mas crendo que um dia ainda vou me libertar dessa prisão que muitas vezes minha mente se encontra. DEUS abençoe a todos nos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Liza, nossa eu estou a um ano , tenho melhoras mas quando tenho algum tipo de stress os sintomas voltam , eu não consigo conviver com isso e tenho medo de entrar numa depressão , as vezes passo mal no trabalho e tento me controlar o máximo possivel , mas viver assim é muito ruim!

      Excluir
  65. Oii, querida
    Primeiro quero dizer que fiquei muito feliz de encontrar o seu blog. É bom saber que não estamos sozinhos na luta contra a depressão (e outros distúrbios psiquiátricos). Infelizmente o preconceito gerado pela falta de conhecimento do assunto é enorme e acaba causando muitos problemas para quem passar por isso.(como se a coisa em si já não fosse dolorosa o suficiente)
    Descobri a aproximadamente um ano que a muito tempo sofro de depressão, sempre naquela de altos e baixos...ou melhor, fases em que levava uma vida digamos considerada "normal" e outras de dor e desespero profundo, que eu não compreendia. Muito menos minha família e pessoas ao redor. Sempre achei que fosse uma fraqueza minha, que eu era fraca e incapaz de encarar a vida, nunca imaginei que fosse uma doença. Apesar de ter amigos com depressão, e ouvir falar mt no assunto, jamais me permiti a possibilidade de pensar que esse seria o meu caso. Pois é, eu estava contaminada pelo preconceito e não sabia. Sempre fui contra tomar antidepressivos. Achava que a depressao podia ser resolvida com mudanças de atitude, positividade, atividade produtivas e gratificantes. Mas hoje sei que não é tão simples. Só entendi que precisava de ajuda médica no final do ano passado, quando em uma dessas crises tentei me matar. Minha mãe ficou em pânico quando soube e viu o meu estado...eu estava tendo uma crise histérica, chorava convulsivamente e ao mesmo tempo ria. Nesse momento fui a um psiquiatra que me receitou sertralina, o que me ajudou por algum tempo. Por minha conta, depois de alguns meses decidi parar com a medicação, já nao sentia mais o efeito do começo e tentei novamente lidar com a dor sozinha. Resultado, meses de agonia e sofrimento, choro, desespero, vontade de dormir o máximo de tempo possível para fugir da minha vida. Decidi voltar ao psiquiatra, que me receitou dessa vez Venlift OD. Estou tomando a uma semana e posso dizer que já me sinto melhor...não milagrosamente feliz, anestesiada/drogada (como imaginam algumas pessoas que nunca fizeram tratamento com medicação). Me sinto mais tranquila, sem aquela sensação de desespero e tristeza profunda que me acompanhava a tempos. Hoje sei que pelo menos no momento preciso do tratamento químico. Sem ele não tenho qualidade de vida. Não sei se terei que faze-lo para sempre, mas se for o caso, prefiro do que continuar naquela falta de vida que me assolava ;)

    bjoss

    ResponderExcluir
  66. Olá Keké,como está se sentindo hj depois do tratamento com venlafaxina?Vou começar a tomar hj,porém tenho medo dos efeitos.Quando tomei sertralina,foi horroroso o quanto multiplicou meu panico.Me responde rapido pfvr.Abc...

    ResponderExcluir
  67. Eu estou tomando é em uma semana estou otimo as crises vem bem poucas,nao to sofrendo efeitos colaterais nao,tinha muita sonolência,mais agora to bem já..se alguem quiser conversa e so chamar 11983619906 kaio

    ResponderExcluir
  68. Keké, também tive muitos desses temores. Mas, continuando ainda com remédios, some com um tratamento de um psicólogo, um da área Terapia cognitivo-comportamental, psicólogo comportamental. Ele vai ajudar mais ainda a somar bons resultados com os remédios. Faça um teste. Marque uma determinada quantidade de sessões com um bom psicólogo mesmo e me diga se não vai melhorar mais ainda.
    Abraços!

    ResponderExcluir
  69. amigos qual devo tomar paroxetina 50 mgs ou venlafaxina 75 mgs. tenho medo dos efeitos colaterais, grato.

    ResponderExcluir
  70. Oi gente! Sofro de Transtorno de ansiedade generalizada, tomo venlafaxina há 05 anos, ele é ótimo para mim, além de ter um efeito duplo ansiolítico, ainda me ajudou em outras questões internas que eu nem achava que era problema, como falar em público, mas enfim, tenho uma dúvida e gostaria de ajuda, tomo alprazolam, ansiolítico tarja preta há anos e não consigo me livrar dele, sou viciada, alguém aí nessa situação? alguém que tenha conseguido se livrar do vício em tarja preta??

    ResponderExcluir
  71. Comecei a tomar a de 75mg a uma semana, tenho TAG. Gostei dos comentários, com fé em Deus vou ficar bem.
    Keke qual seu face???

    ResponderExcluir
  72. Gente, remédio é importante, da um UP, mas pra realmente conseguirmos a cura temos que mudar a nós mesmos...deem uma olhada nesse video da Ana Maria Saad... https://www.youtube.com/watch?v=pwyip-h_sLI
    Ela tem varios videos contando como se livrou da depressão...estou tentando seguir os passos dela, exige disciplina e muita força de vontade...é uma batalha um pouco demorada mas estou percebendo que o caminho é esse mesmo....tenham fé e espero que os videos dela ajudem a todos...

    ResponderExcluir
  73. eu ja nao estou aguentando mais isso preferia sentir dor .................e uma angustia um medo um sentimento q nao consigo descrever...........ja tentei m matar pra conseguir m livrar disso

    ResponderExcluir
  74. olá tudo bem com vc? espero que sim, olha gostaria de tirar uma dúvida com vc, estou tomando o venlift 75 mg( cloridrato de venlafaxina) tem 26 dias e desde o inicio tenho dito muita dor no estomago e enjoo, será que isto é normal no inicio do tratamento.
    desde já agradeço-lhe

    ResponderExcluir
  75. estou tomando venlift 75mg para ansiedade ,fato que estava alterando a pressão arterial.faz uma semana, estou sentindo a cabeça pesada, sera que faz parte da adaptação do remedio ? no final de semana posso tomar umas cervejinhas, tomando essa medicação ? Desde já agradeço se alguem me responder,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também estou tomando venlift 75mg, faz um mês. Senti a mesma coisa q vc, cabeça pesada, sensibilidade a luz, estômago estava estranho, nojo da comida, tudo em mim estava estranho. Meu esposo estranhou! Peguei a bula e fui ler! É as reações adversas do remédio.
      Se vc for homem nada de cervejinha viu mocinho... bebidas alcoólicas é proibido!
      Eu gostava de vinho mas depois desse tratamento nem em pensamento. Só depois q eu tiver curada!

      Excluir
    2. Isto é preocupante, avise seu médico q está alterando a pressão arterial. Com a saúde não se brinca gente!

      Excluir
    3. Isto é preocupante, avise seu médico q está alterando a pressão arterial. Com a saúde não se brinca gente!

      Excluir
  76. a Igreja e Deus tratam as pessoas? sei não....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Igreja não tratam ninguém, igreja é lugar de adoração. Existem doenças q não tem cura aí é só Deus mesmo, e se sua fé alcançar né. Agora se vc não acredita problema é seu! Cuidado com a língua ao duvidar do poder de Deus pode dar um câncer.
      Aí Eu quero ver pra quem vc vai CLAMAR.

      Excluir
  77. Pessoal quem não tiver se dando bem com o Venlift od 75mg pede para seu médico mudar para o Venlafaxina 75mg, Ele é genérico e mais barato também, estou tomando o segundo comprimido hoje. Comprei na ultrafarma q fica na Estação Saúde, a farmácia fica na saída do metrô. A doutora me passou duas caixas de 30 comprimidos.

    ResponderExcluir
  78. Olá,meu médico me passou Venlafaxin Cloridrato de venlafaxina 37,5 ,tem 21 dias que estou tomando.Voltei ao retorno para falar como está sendo.Pois bem,os 7 dias que médico me pediu para ver se me adaptava ,fiz tudo como ele prescreveu.Não senti efeito algum,se senti não percebi.So que agora parece que está aparecendo os sintomas:Dor de cabeça leve,1 dia so senti amargo na boca,e durmo bastante.Aí que esta minha dúvida,será que assim?E também estou sentindo crises que algum tempo não sentia,pois antes dele estava cm 50 mg de sertralina ,tomava por conta .No meu retorno ele me disse que vou ficar nessa dosagem 37,5 achei baixa,mais ele disse que para tratar o que estou sentindo e isso,me disse que estou com ansiedade generalizada,mais sérioooo gente ,cada hora as crises vem de uma forma.Não sei se é apenas isso mesmo não da para saber se depressão,pânico,fobia social em fim.Gostaria de saber se tem alguém que toma essa mesma quantidade,e me falem que sentem ... AH ESTRANHO QUE NA BULA ,Mostra dosagem mínima iniciante e 75 mg,para tratar outras coisas que inclusive e que sinto...Quero muito saber,se alguém se sentiu pior início,se e assim mesmo,me respondem porrrr favor!!! Obrigado

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá meu nome. E jussara estou no sétimo dia da venlafaxina. E q sintomas horríveis. Não dormi está noite meus olhos estão ardendo a cabeça doendo e muita dor no estômago e enjoos náuseas e até vômitos. Fui parar no PS com uma crise forte de panico. Queria não ter começado a tomar este medicamento. Agora parar acho q os sintomas serão piores.
      .

      Excluir
    2. Ingrid, meu filho está a 20 dias tomando venlafaxina e luvox, é horrivel o início, ele está super mal, as crises veem do nada, ele não está conseguindo nem trabalhar direito, mas o psiquiatra diz que é normal, e que logo passa tudo isso, e aí começa a se sentir bem. Enfim estamos com fé.

      Excluir
  79. Olá ! Nossa vc descreveu exatamente tudo que eu sinto , comecei no ano passado , quando quase me separei do meu marido , tomei frontal XR 0,5 , fiquei bem , viajei de avião no final do ano , mas agora adeptos de um grande stress ,estão coltando alguns sintomas como palpitacoes e agora um novo que não sentia , a sensação de falta de ar, fico muito mal com tudo isso ,tenho medo de viajar , de pegar trânsito,ficar muito tempo fora de casa e ainda não aceitei essa coisa de tomar remédios tarja preta, meu marido e minha família não acreditam ,acham uma bobeira ,choro as vezes por causa disso , faço terapia a quase um ano , tenho medo disso não me largar nunca é viver como refém !! Não conheço esse remédio ! Obrigada

    ResponderExcluir
  80. depois de tentar todos inibidores seletivos da recaptação da serotonina ( fluoxetina, escitalopram, sertralina) estou tomando venlift a 3 dias, dose de 150mg. espero q de certo

    ResponderExcluir
  81. Muito corajosa a sua atitude. Vejo que está no rumo certo, mas tenha em menta que a medicação por si só não vai lhe trazer a cura tão esperada, busque participar de um modo mais efetivo da sua religião , procure fazer exercícios. É provável que naqueles dias de carnaval onde foi se divertir com a amiga tenha mudado a sua vibração mental e por fim alguma entidade, espírito desencarnado em ilusão do mundo espiritual, tenha se aproveitado dessa situação, "encosto". Esse espírito é muito provável ter evolução espiritual inferior a sua. Dizem que há diversos espíritos em ilusão que vagueiam a esfera terrestre e que eles se agrupam de acordo às suas necessidades e vícios, a festa de carnaval é um lugar muito propício a atração de espíritos inferiores. Não estou falando de diabos, satanás ou coisa do gênero, são irmãos desencarnados que ainda não encontraram o seu norte e ficam imersos nos seus vícios aqui na terra. Mas isso não veio para o seu fracasso, é para o sua salvação. Quando você se libertar estará libertando também essa coisa que tanto lhe aflige. Não pense que você é diferente por causa disso, coisas assim acontecem com a maioria dos habitantes da terra. Obsessão é coisa comum, todos nós a temos, em menor ou maior grau. Leia as obras do Dr. Augusto Cury, psiquiatra, e se puder consulte-o. Procure se exercitar na prática do bem, do amor, da caridade, começando em casa mesmo e logo com você. É importante nesses momentos não se entregar de forma muito emotiva as suas emoções, tente ser mais racional. Desejo-lhe toda a felicidade do mundo. Neste ano que se inicia, que aprendamos com as experiências do passado a sermos pessoas melhores amanhã, que busquemos avidamente o conhecimento como alguém sedendo e faminto, com a certeza de que a ignorância não faz ninguém feliz, pelo contrário, precede todas as formas de sofrimento. Talvez por isso o mestre Jesus tenha dito - Conhecereis a verdade e ela vos libertará.

    ResponderExcluir
  82. Comecei a tomar a três dias. Sinto um pouco de enjoô. Fico feliz em ouvir todos esses depoimentos. Espero que seja bom no meu caso também. Não tenho vontade de nada, tá muito dificil viver assim.

    ResponderExcluir
  83. Olá, boa noite, fui hoje ao neurologista PR tratar de uma enxaqueca e ele me indicou venlift 37,5mg ,sou muito ansiosa , porém, nunca tomei antidepressivos,e li já muita coisa dos efeitos colaterais, e fico com medo de tomar e ficar dependente, então fico naquele impasse tomo ou não tomo...

    ResponderExcluir
  84. Alguma diferença entre tomar s Venlafaxina pela manhã ou à noite?

    ResponderExcluir
  85. Oi gente! Estava procurando um blog onde pudesse escrever o que sinto e vejo que aqui muitos passam pelo que passei e passo, quanto a pergunta aí de cima,é indicado tomar pela manhã, pois tomando a noite pode atrapalhar o sono!

    ResponderExcluir
  86. Oi gente! Estava procurando um blog onde pudesse escrever o que sinto e vejo que aqui muitos passam pelo que passei e passo, quanto a pergunta aí de cima,é indicado tomar pela manhã, pois tomando a noite pode atrapalhar o sono!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. minha psiq me receitou escitalopran 10mg de manhã, venlafaxina 37,5 de manhã e de noite...agora boiei, pois devo tomar a venlafaxina 2 vezes ao dia, manhã e noite, sem contar q ainda tô com escitalopran, não entendi essa combinação, mas estou tentando, no início da venlafaxina ainda com 1cp nos 4 primeiros dias, depois passo p dois duas vezes ao dia. vamos ver...

      Excluir
  87. Oi,keke!
    Tbm tenho " A COISA "Ela já me atacou várias vezes muito forte, e por isso a temo muito. Certa vez eu tinha ido a outra cidade, capital do meu Estado (POA ) para fazer uma prova de concurso público. Entrei no ônibus pra voltar pra minha cidade e antes de ele partir já começou a me atacar " A COISA ". Fiquei desesperada pois a estrada era infinita, eu sózinha, começei a chorar desesperada,com tremores e falta de ar mas ninguém percebeu. Minha sorte é que eu tinha Rivotril rosa na bolsa, pois foi minha salvação... peguei um comprimido de 0,05 e o coloquei debaixo da lingua o dissolvendo, não resolveu muito, e eu louca pra " COISA " me deixar em paz, peguei mais um comprimido e desmanchei com os dentes e deixei debaixo da língua, fechei os olhos e começei a rezar, rezar.... Quando abri os olhos já estávamos quase chegando na minha cidade. Ufa! Dentre outras histórias assombrosas sobre " A COISA " Sei muito bem oque vcs já passaram e lembrei do episódio do ônibus quando vc relatou o seu, é sempre bom ter rivotril na bolsa pra colocar debaixo da língua. Quanats vezes isso já me salvou..Mas não quero encontrar " A COISA " não quero mesmooo!!!! Agora falando sobre a velafaxina: Encontrei sua página ao acaso qdo fui pesquisar sobre se venlafaxina é eficaz no tratamento do pânico. pois me foi receitado hoje por minha psiquiatra. Pra vc ter uma ideia, eu já passei pela Fluoxetina ( que depois de um tempo parou de fazer efeito ) Daí passei pra Sertralina ( que tbm parou de fazer efeito depois de um tempo ) Daí fui pra Paroxetina, que fiquei neta por uns 4, 5 anos com boa melhora, e com rivotril sublingual em caso de crise ( mas prefiro o rivotril 0,5 rosa mesmo, ele acalma bem mais rápido q o sublingual só dissolvendo ele debaixo da língua ) mas, adivinha...a Paroxetina depois desse tempo parou de fazer efeito e " A COISA " como vc diz, voltou de novo...Passei pra Bupropiona, que me deixava ansiosa e sem sono, mas não resolveu " A COISA ", Passei então para Escitalopram 10 mg, ao quê por um tempo de dois meses fez efeito, mas daí " A COISA " resolveu voltar...Então minha psiquiatra aumentou a dose para 20 mg + rivotril de noite, por um mês e não adiantou, " A COISA " me ataca na rua, no ônibus, nas filas, então adivinha: não estou conseguindo nem sair de casa pois moro sozinha e não tenho ninguém com quem contar. Hoje voltei na psiquiatra e falei que continuava com a fobia, o pânico quando saio de casa ( quando sou obrigada a sair , por ex. se tenho médico, pois senão nem saio ) Ontem tinha prova da OAB e eu não fui de novo, " A COISA " está me prejudicando completamente! Hoje, na psiquiatra ao informar q não funcionou em um mês 20 mg de escitalopram com rivotril de noite, ela, pensando muito, assim como eu, depois de todos os medicamentos que já passei ( fluoxetina, sertralina, paroxetina, bupropiona escitalopram) me receitou continuar com o Escitalopram mas baixou a dose para 10 mg por dia e acrescentou a VENLAFAXINA, cuja estou em dúvida se vai me ajudar. Então ainda nem tomei, enho um receio com novos medicamentos pois já tomo outros para outros problemas, apesar de a psiquiatra ter dito q não há problema nenhum em tomar os dois concomitantemente ( escitalopram e venlafaxina ) Alguém já tomou os dois juntos? Obrigada pela atenção. Melhoras à todos! Bjs

    ResponderExcluir
  88. Oi,keke!
    Tbm tenho " A COISA "Ela já me atacou várias vezes muito forte, e por isso a temo muito. Certa vez eu tinha ido a outra cidade, capital do meu Estado (POA ) para fazer uma prova de concurso público. Entrei no ônibus pra voltar pra minha cidade e antes de ele partir já começou a me atacar " A COISA ". Fiquei desesperada pois a estrada era infinita, eu sózinha, começei a chorar desesperada,com tremores e falta de ar mas ninguém percebeu. Minha sorte é que eu tinha Rivotril rosa na bolsa, pois foi minha salvação... peguei um comprimido de 0,05 e o coloquei debaixo da lingua o dissolvendo, não resolveu muito, e eu louca pra " COISA " me deixar em paz, peguei mais um comprimido e desmanchei com os dentes e deixei debaixo da língua, fechei os olhos e começei a rezar, rezar.... Quando abri os olhos já estávamos quase chegando na minha cidade. Ufa! Dentre outras histórias assombrosas sobre " A COISA " Sei muito bem oque vcs já passaram e lembrei do episódio do ônibus quando vc relatou o seu, é sempre bom ter rivotril na bolsa pra colocar debaixo da língua. Quanats vezes isso já me salvou..Mas não quero encontrar " A COISA " não quero mesmooo!!!! Agora falando sobre a velafaxina: Encontrei sua página ao acaso qdo fui pesquisar sobre se venlafaxina é eficaz no tratamento do pânico. pois me foi receitado hoje por minha psiquiatra. Pra vc ter uma ideia, eu já passei pela Fluoxetina ( que depois de um tempo parou de fazer efeito ) Daí passei pra Sertralina ( que tbm parou de fazer efeito depois de um tempo ) Daí fui pra Paroxetina, que fiquei neta por uns 4, 5 anos com boa melhora, e com rivotril sublingual em caso de crise ( mas prefiro o rivotril 0,5 rosa mesmo, ele acalma bem mais rápido q o sublingual só dissolvendo ele debaixo da língua ) mas, adivinha...a Paroxetina depois desse tempo parou de fazer efeito e " A COISA " como vc diz, voltou de novo...Passei pra Bupropiona, que me deixava ansiosa e sem sono, mas não resolveu " A COISA ", Passei então para Escitalopram 10 mg, ao quê por um tempo de dois meses fez efeito, mas daí " A COISA " resolveu voltar...Então minha psiquiatra aumentou a dose para 20 mg + rivotril de noite, por um mês e não adiantou, " A COISA " me ataca na rua, no ônibus, nas filas, então adivinha: não estou conseguindo nem sair de casa pois moro sozinha e não tenho ninguém com quem contar. Hoje voltei na psiquiatra e falei que continuava com a fobia, o pânico quando saio de casa ( quando sou obrigada a sair , por ex. se tenho médico, pois senão nem saio ) Ontem tinha prova da OAB e eu não fui de novo, " A COISA " está me prejudicando completamente! Hoje, na psiquiatra ao informar q não funcionou em um mês 20 mg de escitalopram com rivotril de noite, ela, pensando muito, assim como eu, depois de todos os medicamentos que já passei ( fluoxetina, sertralina, paroxetina, bupropiona escitalopram) me receitou continuar com o Escitalopram mas baixou a dose para 10 mg por dia e acrescentou a VENLAFAXINA, cuja estou em dúvida se vai me ajudar. Então ainda nem tomei, enho um receio com novos medicamentos pois já tomo outros para outros problemas, apesar de a psiquiatra ter dito q não há problema nenhum em tomar os dois concomitantemente ( escitalopram e venlafaxina ) Alguém já tomou os dois juntos? Obrigada pela atenção. Melhoras à todos! Bjs

    ResponderExcluir
  89. Me identifiquei muito! Continuemos na luta, sempre positivas!!

    ResponderExcluir
  90. Muito legal o assunto. Vou começar a tomar venlafaxina 37,5MG amanhã.pelo o que li aqui o medicamento é ótimo.

    ResponderExcluir
  91. Muito legal o assunto. Vou começar a tomar venlafaxina 37,5MG amanhã.pelo o que li aqui o medicamento é ótimo.

    ResponderExcluir
  92. Oi gente, fazem 4 anos que tenho umas sensações estranhas, medo, não quero sair de casa, deixo de ir a festas, parece que eu To estranha, que as pessoas percebem isso sabe.... Enfim uma prisão
    Em maio comecei alto-mar venlafaxina 75mg com Rivotril 0,25 sublingual.... Porém essa semana me senti mal e a médica alterou a venlafaxina para 150mg e acrescentou queriapina 25mg a noite .... Hoje acordei dopada
    Tenho muito medo da medicação... Me ajudem !!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tomo 50mg de quetiapina e ela realmente deixa a gente dopada. Existe uma versão de ação prolongada que dá menos sono..

      Excluir
  93. Olá queridos
    Quero dizer a todos que já faz um ano que estou sem tomar nenhum antidepressivo. Ainda que sei que essa doença tem tratamento, mas não tem cura! Tive o apoio da Igreja, e continuo em terapia. Já estou sentindo os resultados de estar sem o remédio - Havia inchado muito - estou bem mais magra e bonita. Feliz por lutar agora conscientemente contra a depressão, trabalhando como lidar com frustrações e tristeza. Muito a superar todo dia... Mas deixo meu testemunho : É possível viver com alternativas!

    ResponderExcluir
  94. Eu estou fazendo terapia para a coisa. Mas ao tomar a Primeira doae de venlafaxina em 20 minutos tive náuseas e dor de cabeça. Li a bula e fiquei apavorada. Não quero ser dependente do medicamento e acho que meu grau da coisa da pra controlar com meios alternativos. Não sei... Só sei que preciso de ajuda.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fui num Neuro e ele me receitou este medicamento e ao ler a bula me apavorei! Ainda mais agora lendo alguns relatos sobre efeitos, tudo bem que ele ajuda mesmo, mas não queria sofrer estes efeitos, seila..

      Excluir
  95. Estou cansado de ouvir pessoas ignorantes a dizerem que depressão ansiedade etc é falta de fé... Deus etc.. cansei de ouvir dizer que a cura está na nossa cabeça... Só quem passa por isto é que sabe. Se a vida voa corre bem , logo acham quem tem deus com vocês ... Infelizmente a depressão e s.pqnico são realidades e infelizmente temos que tomar medicamentos e abdicar de muita coisa. 9 anos nesta palhaçada.

    ResponderExcluir
  96. MEU DEUS QUE TEXTO MARAVILHOSO
    Voce me descreveu, vou no psquiatra e psicologo, tamebm tenho medo de sair de casa e tomo certralina 100mg.
    Tambem ja tive pensamentos suicidas é horrivel.
    Obrigada por compartilhar isso

    ResponderExcluir
  97. Sou sua amiga no Facebook, mas nunca soube dá coisa!!!
    Sinceramente???
    Te admiro cada vez mais!!!

    ResponderExcluir
  98. Tomei venlafaxina por dois anos. Quando já me sentia bem, decidi parar o medicamento por conta própria.Não senti reações ao parar. Fiquei bem por cerca de 4 meses, mas depois a crise de ansiedade voltaram, mesmo fazendo terapia. Então tive que voltar a tomar o venlafaxina.
    A minha dúvida é: será q este remédio cura o problema ou funciona apenas como um analgésico que ameniza os sintomas?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fui em um psiquiatra e ele me receitou venlafaxina. EStou morrendo de tomar este remedio, mas não posso mais deixar o panico, as fobias e o medo tomarem conta de mim.
      Não saio de casa sem ninguem...
      Fico com medo dos efeitos colaterais...
      Alguém que tenha tomado pode me dizer se realmente funciona, se fica dopado?
      e na retirada do remedio?
      Ai gente tenho tantas duvidas... Já fui em 3 psiquiatras e casa um me passou um remedio diferente... Mas me identifiquei com este medico que me passou a venlafaxina...
      Me ajudem?

      Excluir